OMS lança plano mundial para combater sedentarismo

18/06/2018 - 10:06

A Organização Mundial da Saúde (OMS) um novo plano de ação mundial sobre atividade física e saúde para 2018 a 2030. A iniciativa tem o objetivo de “incentivar as pessoas a serem mais ativas para um mundo mais saudável”.

De acordo com a OMS, em todo o mundo, um em cada cinco adultos e quatro em cada cinco adolescentes (com idade entre 11 e 17 anos) não praticam atividade física suficiente. Alguns grupos populacionais têm menos oportunidades de terem uma vida mais ativa, entre eles: meninas, mulheres, pessoas idosas, com menos recursos financeiros, com deficiências e doenças crônicas, populações marginalizadas e povos indígenas.

Aliada a uma alimentação saudável e adequada, a atividade física regular é fundamental para prevenir e tratar doenças crônicas não transmissíveis (DCNTs), como as cardíacas, acidentes vasculares cerebrais, diabetes e câncer de mama e de colo do útero. Essas enfermidades são responsáveis por 71% de todas as mortes no mundo, incluindo as mortes de 15 milhões de pessoas por ano entre 30 e 70 anos.

O plano de ação mostra como os países podem reduzir a inatividade física em adultos e adolescentes em 15% até 2030. Recomenda um conjunto de 20 áreas políticas, que combinadas, têm o objetivo de criar sociedades mais ativas por meio da melhoria dos ambientes e oportunidades para pessoas de todas as idades e habilidades para praticarem mais caminhadas, ciclismo, esportes, recreação ativa, dança e jogos.

O documento também pede apoio ao treinamento de profissionais de saúde e outros profissionais, sistemas de dados mais sólidos, bem como o uso de tecnologias digitais.

Para apoiar os esforços nacionais na implementação do plano, a OMS está lançando uma campanha para promover a atividade física: “Sejamos ativos: todos, em todos os lugares, todos os dias” (tradução livre para oportuguês de “Let’s Be Active: Everyone, Everywhere, Everyday”).

 

Veja também



Fale Conosco

X

Enviando seu email...

Email enviado com sucesso!