ÚLTIMAS >


Revista tem seção temática sobre trajetória da profissão no Brasil

11 de fevereiro de 2019, Comentários

Em comemoração pelos 80 anos de história da Nutrição no Brasil – o primeiro curso para formação profissional do nutricionista foi em 1939, na USP – a Revista de Nutrição (RN) publicou uma seção temática abordando aspectos da trajetória histórica do nutricionista no Brasil.

A seção temática consta de três artigos. O primeiro aborda aspectos da trajetória das entidades de classe do nutricionista: A Associação Brasileira de Alimentação e Nutrição (ASBRAN), fundada em 1949; O Sistema Conselho Federal de Nutricionistas (CFN)/Conselhos Regionais de Nutricionistas (CRN), criado em 1978; e a Federação Nacional de Nutricionistas/Sindicatos de Nutricionistas (FNN), fundada em 1989.

O segundo artigo faz uma análise dos avanços da Política e dos Programas de Alimentação e Nutrição ao longo dos governos Lula e Dilma (2003-2016) e dos retrocessos sofridos no governo Temer (2016-2018), quando o Brasil volta a figurar no Mapa da Fome traçado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

No terceiro artigo está um ensaio crítico sobre o mercado de trabalho do nutricionista, abordando aspectos da expansão do número de profissionais, do perfil e das condições de trabalho (salário, jornada de trabalho e áreas de atuação). No cenário atual somos cerca de 150 mil nutricionistas registrados no Sistema CFN/CRNs e precisamos continuar a luta em busca de nossa identidade e legitimidade social, sobretudo, em prol da garantia do direito à alimentação saudável e sustentável para todos os brasileiros, sem distinção de gênero, etnia, ideologia, partido e classe social.

A Revista de Nutrição é uma publicação internacional de extrema relevância científica e registrada nos órgãos públicos de validação editorial do Brasil. Essa edição completa pode ser visitada no link https://bit.ly/2MXwLMv.